sexta-feira, 13 de março de 2015

Morre David Bowie - 2016


Fãs e artistas lamentam a morte do cantor David Bowie


Foi confirmada a morte de David Bowie. O cantor que ficou super-conhecido por hits como Let's Dance (1983)


ou Fame (1975).



 David foi um dos cantores mais aclamados de sua época, morreu no dia 10 de janeiro de 2016 em Nova Iorque, com 69 anos de idade, lutava contra um câncer havia um ano em meio.

Novo álbum "Cecilia" foi lançado três dias antes de sua morte.

A notícia da morte do cantor foi confirmada pelo agente dele e depois pelo filho do primeiro casamento do cantor. Duncan Jones escreveu na internet: "sinto muitíssimo dizer que é verdade". Bowie morreu ao lado da família, que não deu mais detalhes sobre a doença, nem do funeral.

Hoje, os fãs de David Bowie, junto com os outros músicos estão relembrando este grande sujeito que tinha uma imagem camaleônica.


Bowie - um ícone cultural


David Robert Jones nasceu em Londres no dia 8 de janeiro de 1947, sua carreira atravessou um caminho ao longo de muitos períodos de tempo e gostos diferentes na história britânica. Bowie não foi só um grande cantor, ele foi também um ícone, uma inspiração para a maioria das pessoas no mundo.

David Bowie enxergava o futuro. Só podia ser. Um artista anos luz à frente do seu tempo, que ditou o gosto musical, a moda e o comportamento de gerações.

Showman: Bowie era uma força sobrenatural no palco. Teatral, dramático, ele entendia o papel do artista em inspirar, surpreender, chocar. Não era só o som, era o visual, a atitude, a história.

Bowie e o visual colorido de seus personagens também inspiraram capas de revistas de moda.

Se arriscou nas telas do cinema como em 'Labirinto', e 'Fome de viver'. Viveu o artista Andy Warhol no filme "Basquiat".

O produtor Tony Visconti, parceiro na maioria dos álbuns do cantor, lembrou que Bowie só fazia o que queria, sempre do jeito dele e da melhor maneira possível.

Em 1975, ele tocou os corações de milhões com Fame. A herança de seu talento continuou a desenvolver à medida que novas gerações de fãs foram conhecendo e entrando em contato com a sua herança de estilo musical incontestável.

Nos anos 1990, visitou o Brasil com a turnê Sound and Vision. Três anos atrás, o público lotou a exposição dedicada ao herói do rock no Victoria and Albert, em Londres. O museu recebeu acesso sem precedentes ao acervo do cantor. Manuscritos de letras escritas à mão revelaram um artista obsessivo, que deixava instruções meticulosas para figurinistas e produtores. A exposição foi depois para o Museu da Imagem e do Som (MIS), em São Paulo. Mais de 80 mil fãs visitaram a mostra. As filas foram gigantescas.

Apesar de Bowie já não estar presente hoje, muitos sentem ele vivo em seus corações. Este vazio que ficou ainda pode ser preenchido com os filmes, fotos e vídeos que podemos a qualquer momento conferir na web, ou comprando seus LPs, CDs, DVDs e publicações que estão por ai aos milhares.


Veja o Mix na playlist completa com as principais canções:





Fonte: G1 Globo


Vídeos - Monsters of Rock 2015


Olá galera, o festival está para acontecer logo. Faça suas reservas desde já! 


KISS, Ozzy Osbourne, Judas Priest, Motörhead, Manowar, De La Tierra e Dr. Pheabes são as principais atrações do festival que acontece pela sexta vez no Brasil.
O evento será realizado em dois dias na Arena Anhembi, dias 25 e 26 de abril, e terá 15 atrações. Veja só um pedacinho de cada atração e uma breve biografia de cada uma das bandas, então você ficará com "água na boca" para participar dessa. Veja abaixo mais detalhes do Monsters of Rock, além de outros festivais, até já tem um para março deste ano. Se ligue:

Festivais neste ano de 2015


  • Lollapalooza - Dias 28 e 29 de março no Autódromo de Interlagos, São Paulo, SP. Veja mais detalhes.
  • Monsters of Rock - Dias 25 e 26 de abril na Arena Anhembi em São Paulo, SP. Veja mais detalhes.
  • João Rock - Dia 13 de junho na cidade de Ribeirão Preto, SP. Veja mais detalhes.
  • Rock in Rio - Dias 18, 19, 20, 21, 25, 26 e 27 de setembro na Cidade do Rock, Rio de Janeiro, RJ. Veja mais detalhes.



As atrações do Monsters of Rock 2015




KISS




Desde o estouro da banda no cenário musical na década de 70, o KISS criou uma nova experiência em cena, misturando rock de primeira com pirotecnia, iluminação e ambientação cênicas excepcionais e as indefectíveis maquiagens e figurinos que se transformaram em marcas registradas – tudo isso deu a eles a reputação de criar alguns dos melhores shows ao vivo da história da música mundial. Formada em Nova Iorque em 1973, a banda passou por algumas mudanças de formação, sendo Paul Stanley e Gene Simmons os dois integrantes da formação original. Em 83, com o álbum ‘Lick it Up’, o grupo surpreendeu os fãs ao retirar a maquiagem e os figurinos. No ano seguinte, o grupo ganha uma homenagem através do disco ‘Kiss My Ass: Classic Kiss Regrooved’, uma compilação de músicas do grupo gravadas por nomes como Lenny Kravitz, Stevie Wonder, Garth Brooks, Mighty Mighty, Lemonheads e Anthrax, entre outros. Em 1995 gravam o ‘Unplugged’ da MTV e um ano depois causaram comoção na platéia do Grammy ao surgirem novamente com seus respectivos figurinos e maquiagens e com a formação original. Dois meses depois anunciam uma grande turnê mundial. A expectativa em ver novamente os quatro membros originais do grupo fez com que os 40 mil ingressos do primeiro show se esgotassem apenas 47 minutos.

O Kiss já recebeu 28 discos de ouro e já vendeu mais de 100 milhões de álbuns em todo o mundo. Já realizou mais de 30 turnês internacionais, a última a “40 Year Tour”, de 2014. Desde 1974 lançou 20 álbuns de estúdio – o mais recente deles, “Monster”, de 2012, sete álbuns ao vivo, três álbuns de turnê, 11 coletâneas e 14 vídeos e DVDs. Em 78 lançaram também um Box contendo um disco solo de cada um dos integrantes, que atingiram o top 10 das paradas em vários países. Para atender ao inesgotável interesse dos fãs de todo o planeta, o grupo chegou a lançar uma biografia oficial, que conta sua história desde a formação do grupo até os bastidores dos shows.



Ozzy Osbourne


Um dos fundadores do célebre Black Sabbath em 1969, onde ficaria até 78, Ozzy iniciou sua carreira solo com o lançamento do álbum “Blizzard of Ozz”, até hoje considerado um dos mais importantes álbuns do rock mundial, com seus personalíssimos vocais. Em 94, ele ganhou um Grammy de melhor música e em 93 anunciou sua aposentadoria, voltando porém aos palcos em 95. Foi indicado mais duas vezes ao Grammy, em 2008 e 2011, e apenas nesse novo século ganhou alguns dos mais importantes prêmios da música, como o MTV Music Awards, o NME e o Prism, além de receber os títulos de “Imortal do Rock”, “Ícone da Música” e “Lenda Viva do Rock”.

Músico lendário, Ozzy idealizou o famoso OzzFest, que já revelou bandas como System of a Down e Korn, realizado por ele e sua mulher Sharon desde 1996. A partir de 2002, Osbourne atingiu um novo patamar de reconhecimento mundial, ao estrelar com a família o reality-show The Osbournes, lançado pela MTV e um enorme sucesso no mundo inteiro. Em carreira solo já lançou 11 álbuns de estúdio, cinco álbuns ao vivo e nove DVDs. Já vendeu mais de 90 milhões de cópias de seus discos em todo o mundo.



Judas Priest


A banda britânica Judas Priest foi criada em meados de 1969, em Birmingham, Inglaterra, e é considerada por alguns críticos, ao lado do Black Sabbath, do Iron Maiden e do Motörhead como um das quatro principais bandas de Heavy Metal na história. Independente da crítica, o Judas é definitivamente um dos precursores do heavy metal moderno e um dos grupos mais influentes do metal desde os anos 70. Foi a primeira banda a unir o peso e a temática violenta criados pelo Black Sabbath à velocidade de alguns grupos de rock como o Deep Purple, adicionaram duas guitarras ao seu som e também foram os responsáveis pela retirada do blues característico de grupos de hard-rock britânico dos anos 70. Foram também precursores da adoção das roupas de couro com adereços de metal cromados e correntes advindos do punk rock, criando o figurino oficial do hard rock que vigora até hoje.
O primeiro disco da banda, “Rocka Rolla”, foi lançado em 1974. Das primeiras formações da banda ainda permanecem no grupo o vocalista Rob Halford, o guitarrista Glenn Tipton e o baixista Ian Hill. Em 45 anos de carreira lançaram 19 álbuns de estúdio, o mais recente, “Redeemer of Souls” em 2014, tendo vendido mais de 50 milhões de discos em todo o mundo. Em 2010  a banda ganhou o Grammy para “Melhor Performance de Metal” por “Dissident Aggressor”.



Motörhead


Formada em 1975 na Inglaterra, a banda Motörhead é considerada uma das maiores do heavy metal no mundo, ao lado de Black Sabbath, Judas Priest e Iron Maiden. Prestes a completar no próximo ano 40 anos de carreira, já lançou 21 álbuns de estúdio e vendeu mais de 30 milhões de cópias. Seu mais recente CD é “Aftershock”, de 2013. Considerada uma das bandas de mais peso e velocidade no cenário do metal, o Motörhead é um dos grupos que mais influenciou outras bandas de diferentes vertentes como o heavy, o thrash metal e o punk rock.
O baixista Lemmy Kilmister, até hoje no grupo, começou na música na década de 1960, como roadie da banda de Jimi Hendrix, e foi o criador do Mötorhead, que inicialmente se chamava Bastards. Depois de dois álbuns, conquistaram o sucesso junto ao público em 79, com “Bomber”. Em 1992 lançaram “March ör Die”, seu maior sucesso comercial, com participação do guitarrista Slash (Guns N’ Roses) em diversas canções e uma parceria com Ozzy Osbourne na canção “Hellraiser” (também lançada por Ozzy no álbum No More Tears). Em 2005 o Motörhead ganhou o Grammy na categoria Melhor Performance de Metal.



Manowar


Conhecida pelas letras de canções que falam de fantasias e mitologia nórdica, a banda norte-americana Manowar é também famosa por seu som muito alto: em 1984 a banda foi incluída no Guinness Book of World Records, por fazerem, ao vivo, o som mais alto já registrado em um show, um recorde que eles próprios já bateram por duas ocasiões. Também têm o recorde pelo espetáculo mais longo do heavy metal, depois de terem tocado durante cinco horas e um minuto na Bulgária em 2008. Compuseram também uma das mais longas músicas do gênero: no disco “The Triumph of Steel”, de 82, aparece “Achilles: Agony and Ecstasy in Eight Parts” , baseada na obra “A Ilíada” de Homero, que, com 28 minutos de duração, tornou-se um clássico do grupo. Com 35 anos de estrada, a banda, formada em Nova Iorque,  é adepta do metal grande e épico, encharcado com guitarras, coros e orquestras, e ficou famosa ainda pelo slogan “Morte ao falso metal falso”.

Com uma carreira que inclui 13 álbuns de estúdio e mais de nove milhões de cópias vendidas em todo o mundo, a banda tem mais que fãs – são seguidores. É extremamente popular na cena heavy metal da Europa, Japão, Austrália, América do Sul Estados Unidos. Em 2003, o baixista, guitarrista e tecladista Joey DeMaio fundou sua própria gravadora, a Magic Circle Music, que veio a se tornar o lar oficial da banda, sendo criada para preencher as necessidades do Manowar e de outras bandas similares do gênero. Em 2014 a banda lançou seu mais recente álbum, “Kings of Metal MMXIV”.



Rival Sons


A banda composta por Jay Buchanan (Vocal), Scott Holiday (Guitarra), Robin Everhart (Baixo) e Michael Miley (Bateria) foi formada na Califórnia em 2008. Seu primeiro disco foi lançado em 2009, e a escolha da canção “Tell Me Something” como tema das 500 Milhas de Indianápolis logo fez com que a banda estourasse. Em 2010 excursionaram com Alice Cooper e em 2011 viajaram com o Judas Priest, além de abrirem um show para o AC/DC, televisionado para todos os estados americanos e alguns países do mundo. A Banda já atingiu a 19ª posição na parada rock da Billboard. Em 2011 ganharam o prêmio Breakthrough Artist of the Year, do iTunes e já lançaram quatro álbuns de estúdio, o mais recente deles “Great Western Valkyrie”, em 2014.



Unisonic


O Unisonic é um grupo alemão especializado no gênero conhecido como speed/power metal. No mundo do rock é considerado um supergrupo por reunir, na mesma formação, Michael Kiske, ex-vocalista do Helloween, Kai Hansen, ex-vocalista e guitarrista também do Helloween e guitarrista e vocalista do Gamma Ray, o baixista Dennis Ward e o baterista Kosta Zafiriou  do Pink Cream 69, e o guitarrista Mandy Meyer, ex Gotthard. Em 2012  lançaram seu primeiro EP intitulado de “Ignition” e, no mesmo ano, “Unisonic”, seu álbum de estreia, que esteve no topo das paradas de vários países como a Finlândia, Japão, Alemanha e Suécia. O segundo álbum da banda, “Light of Dawn”, foi lançado em 2014. A banda realizou sua primeira turnê mundial em maio de 2012, tocando em diversos festivais de música europeus, como o Rock Hard Festival, Gods of Metal, Hellfest, Masters of Rock, entre outros.



Steel Panther


O Steel Panther é uma banda de glam-metal de Los Angeles, Califórnia, conhecida por suas letras bem-humoradas. Formada em 2000, a banda começou a ganhar popularidade no Sunset Strip, no início do novo milênio, sob o nome Oficina de Metal (em breve transformada em Metal Skool, e depois em Steel Panther). É composta pelo vocalista Ralph Saenz (“Michael Starr”), o baterista Darren Leader (“Stix Zadinia”), o baixista Travis Haley (“Lexxi Foxxx”) e o guitarrista Russ Parrish (“Satchel”). Suas perucas enormes, jaquetas de couro, calças spandex de zebra, costeletas herdadas de uma banda tributo ao Van Halen aliadas a suas letras extremamente chauvinistas e a seu lado cômico logo a transformaram em um enorme sucesso, lotando shows pelo mundo a fora. Desde sua formação já lançaram quatro álbuns de estúdio, uma compilação e um DVD.



Black Veil Brides


O Black Veil Brides (ou BVB) é uma banda de rock formada em 2006 em Hollywood, Califórnia, pelo vocalista Andy Biersack. Seu álbum de estreia, “We Stitch These Wounds” foi lançado em junho de 2010,  porém, antes de seu lançamento, já havia alcançado uma grande divulgação pela internet, fazendo com que em pouco tempo a banda já estivesse na relação dos 10 artistas de metal mais tocados no Myspace. O segundo álbum da banda, “Set the World on Fire”, foi lançado em junho de 2011 e apresenta forte influência do glam metal e do hard rock. A banda lançou ainda três EP’s – “Sex and Hollywood”, “Never Give In” e “Rebels EP” –  e mais um álbum de estúdio, em 2013, intitulado “Wretched and Divine: The Story of the Wild Ones”. Também lançou um single chamado “Unbroken”, que entrou na trilha sonora do filme “The Avengers”. O Black Veil Brides tem forte inspiração no Kiss e Mötley Crüe, além de outras bandas de glam metal da década de 1980.



Yngwie Malmsteen


Conhecido por sua incrível velocidade e virtuosismo, o guitarrista sueco Yngwie Malmsteen começou a aprender música aos 5 anos de idade, tendo aulas de piano, trompete, violão e se dedicando aos grandes compositores clássicos. Durante este aprendizado descobriu possuir o chamado “ouvido absoluto”, um dom de nascença raro que é a capacidade de distinguir notas musicais sem qualquer referencia, seja qual for a fonte. Em 1983  mudou-se para os EUA, para se dedicar ao rock e participou de algumas bandas antes de iniciar uma carreira solo. Seu primeiro álbum, “Rising Force”, em 84, entrou direto para a parada da Billboard e ganhou uma indicação para o Grammy.  Já “Trilogy”, de 86, é conhecido por inaugurar o que seria conhecido como “metal moderno”.  Em 2003 se juntou a Joe Satriani e Steve Vai, para um show e DVD. Ao todo sua carreira inclui 18 álbuns de estúdio. Entre os álbuns “ao vivo” está  “Yngwie Malmsteen LIVE!!”, gravado em São Paulo durante a turnê de “Facing The Animal”.



Primal Fear


Formada na Alemanha em 1997, o Primal Fear, expoente do gênero chamado de Power metal, mantém até hoje seus idealizadores e principais membros: o baixista Mat Sinner e o vocalista  Ralf Scheepers. Aclamada como um dos ícones do heavy metal mundial, a banda lançou seu primeiro ábum 1998, o homônimo “Primal Fear”, que chegou às lojas em 98 e causou enorme impacto nos fãs do gênero em todo o mundo, fazendo com que a banda fosse comparada ao Judas Priest. Com uma carreira que inclui 10 álbuns de estúdio (“Delivering The Black”, de 2014, é o mais recente), um álbum ao vivo, uma coletânea e um DVD, o Primal Fear já participou de vários festivais famosos, como o “Wacken Open Air”, na Alemanha. Desde o lançamento do último álbum, no ano passado, a banda está em turnê pelo mundo, chegando agora ao Brasil. Atualmente, o baterista oficial da banda é o brasileiro Aquiles Priester.



Accept


Considerada uma das precursoras do speed metal e do Power metal na Europa, a banda alemã Accept foi formada em 1968, ainda com o nome de Band X, pelo vocalista Udo Dirkschneider. Depois de algumas breves experiências musicais, ele montou o grupo, que em 1976 passaria a adotar o nome Accept. O primeiro álbum seria lançado em 79, chamando a atenção para o vocal arranhado de Udo, mas foi só em 81, já famosos em toda a Alemanha, que o grupo se profissionaliza, lançando no ano seguinte “Restless and Wild”, até hoje reconhecido como um importante disco na história do heavy metal. Em 86, motivado por divergências internas, Udo chegou a deixar o grupo, retornando em 92. Em 96 o grupo se dissolve, mas volta a se reunir novamente em 2004. Ao todo, o grupo já lançou 14 álbuns de estúdio, o mais recente deles “Blind Rage”, de 2014.



Coal Chamber


Formada na California, em 1994, a Coal Chamber é uma banda cujo som é classificado como heavy metal, alternative metal, gothic metal e industrial metal. Divulgando seu trabalho através de demos produzidos por eles mesmos, o grupo assinou seu primeiro contrato com a Roadrunner Records em 95, onde gravou o álbum homônimo, lançado em 97, que estourou no “boom do new metal”, ao lado de bandas como o Korn, o Limp Bizkit e o Deftones. O primeiro CD foi selecionado pela Kerrang! em janeiro de 1998 como um dos álbuns na lista dos “100 álbuns que você deve ouvir antes de morrer” e vendeu mais de 500.000 cópias só nos Estados Unidos. Uma de suas canções, “Something Told Me”, foi incluída na trilha sonora do filme “Resident Evil”. Separaram-se em 2003, voltando a se reunir em 2011. O grupo lançou três álbuns de estúdio e duas compilações.



De La Tierra


Formado por Andreas Kisser, guitarrista e líder da icônica banda brasileira Sepultura, Andrés Giménez, ex-líder da banda argentina ANIMAL, Sr. Flavio, baixista da também argentina Los Fabulosos Cadillacs e Alex González, baterista do grupo mexicano Maná, o De La Tierra lançou seu primeiro álbum homônimo em 2014, com a chancela da Warner Music e Roadrunner Records. “Estamos apenas começando, mas as possibilidades de fazer grandes coisas são enormes”, diz Andreas Kisser, entusiasta do novo projeto. O primeiro single, “Maldita historia”, havia sido lançado em setembro do ano anterior, com bastante burburinho nas redes sociais e, em março de 2014, o grupo entrou em turnê, percorrendo alguns países da América Latina.  As canções do álbum foram gravadas em português e espanhol – o grupo resolveu optar por suas línguas pátrias. No ano passado, abriram os shows da turnê latino-americana do Metallica e receberam da lendária revista MariskalRock o prêmio de banda revelação do ano.



Dr. Pheabes


O Doctor Pheabes é uma banda formada a partir de projetos musicais iniciados em 1986 por quatro amigos de infância. A formação nunca sofreu alteração, apenas o nome foi modificado: o atual surgiu há poucos anos, a partir da paixão de todos os membros pelos clássicos filmes estrelados por Vincent Price no início da década de 70. Em tempo, no filme Price chamava-se Doctor Phibes, enquanto a banda preferiu modificar levemente acrescendo o “EA” no lugar do “I” original. Integraram o cast da última edição do festival Monsters of Rock no Brasil em 2013, onde dividiram o palco com Aerosmith, Whitesnake, Ratt, Queensryche e Dokken. O quarteto é formado por Fernando “Magrão” Parrillo, Eduardo “Dr. Pheabes” Fagundes, Paulo “Paul” Ressio e Fábio “Cuca” Ressio. Seu mais recente trabalho é o álbum, “Seventy Dogs”, produzido por Renato Patriarca, vencedor do Grammy latino de 2009.




Fonte: Midiorama